sábado, 24 de setembro de 2016

O que é ser salvo?



"Temos de ser salvos da imersão num mar de mentiras e de paixões denominado 'o mundo'. E temos, sobretudo, de ser salvos do abismo de confusão e de absurdo que é o nosso próprio ser mundano. A pessoa tem de ser salva do indivíduo.
O filho de Deus, livre, tem de ser salvo do escravo conformista da fantasia, da paixão e da convenção. O ser íntimo, misterioso e criador tem de ser libertado do ego esbanjador, hedonista e destruidor, que procura apenas cobrir-se com disfarces.
Estar 'perdido' é estar entregue à arbitrariedade e aos subterfúgios do eu contingente, do ser feito de fumaça que terá inevitavelmente de desaparecer. Ser 'salvo' é voltar à própria realidade inviolada e eterna, é viver em Deus."

Thomas Merton, "Novas Sementes de Contemplação", Fisus 1999, pág. 46 (Capítulo 6. Reze pela sua própria descoberta).
Foto de Bill Murphy - Caminho para pedestres da Abadia de Gethsemani.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...